sábado, 12 de agosto de 2017

Lancuna mantém ideia de time com três atacantes e escolhe Gênesis, Fabinho e Dênis

Treinador defende forma física de recém-chegado e revela mudança na possível equipe titular. Em busca de entrosamento, comandante pretende realizar 2 coletivos antes da partida contra CSA.
Por Stephanie Pacheco e Josiel Martins, Teresina

O elenco do Parnahyba segue contando as horas, minutos e os segundos para o principal desafio do clube no segundo semestre do ano. A partida contra o CSA, pelo pré-Nordestão, na terça-feira, às 21h no estádio Pedro Alelaf, será o primeiro passo do time em busca da classificação para a fase de grupos da da disputa regional. Com o elenco fechado, o técnico Nivaldo Lancuna projetou que não deve mudar o estilo tático de jogo e defendeu a forma física e a titularidade do atacante Gênesis. A ideia do comandante é realizar dois coletivos contra o sub-21 antes da partida contra os alagoanos.
Treino Parnahyba/pré-Nordestão/Foto/ Didupaparazzo.
- Hoje vamos treinar à tarde e vai ser só finalização. O Gênesis vem treinando bem e marcou três gols na primeira atividade. Ele está pronto e tem um respeito muito grande por mim. Com a chegada dele, saquei o Júnior Juazeiro e armei o ataque com Gênesis, Fabinho e Dênis. Os demais foram mantidos – explicou Lancuna. Apesar do elenco limitado,
Lancuna arquitetou o time titular e pode ter uma dúvida no banco de reservas. O zagueiro Gilmar Bahia sentiu dores no pé e segue em tratamento há quatro dias. A equipe titular tem sido Naylson; Tiaguinho, André Nunes, Renan e Granja; Ramon, Fred e Jefferson Maranhense; Dênis, Fabinho e Gênesis. - Como trouxe um zagueiro, vamos usar ele. Isso não chega a ser nossa principal preocupação porque ele é o primeiro reserva – disse o treinador.
Treino Parnahyba pré-Nordestão/Foto/Didupaparazzo
Pelo pré-Nordestão, o Tubarão recebe o CSA dia 15, às 21h, no estádio municipal Pedro Alelaf. O duelo de volta está marcado para o dia 22, no Rei Pelé, em Maceió.
Fonte: G1/PI
Edição: Mário Pires Santana