domingo, 20 de agosto de 2017

Nota de Repúdio contra o senhor FRANCISCO DE ASSIS MORAES SOUSA

Por Carlos Melo

Na sexta-feira, dia 18 de agosto de 2017. A escola Municipal Professora Francisca Borges dos Reis iria promover um bingo beneficente para angariar fundos para o exame de uma criança que é aluna da instituição no turno manhã. Nessa ocasião, os alunos do turno da manha foram liberados as nove horas em ponto para que os professores da manha pudessem planejar um bingo beneficente que ocorreria no intervalo de recreio do turno tarde entre as aulas. O movimento foi promovido para ajudar a mãe da aluna que também é aluna da instituição no turno da noite na modalidade EJA e precisava de recursos financeiros para executar o exame da filha.
O fato é que, após as crianças terem sido liberadas, o SENHOR PREFEITO adentrou às dependências da escola ofendendo a direção e os professores chamando-os de ladrões e vagabundos sem nem ao menos conversar com os funcionários para entender os motivos da saída antecipada dos estudantes. O SENHOR PREFEITO abusou da influência de seu cargo para falar o que queria na ocasião tentando posar de bom moço preocupado com a educação da cidade e até mesmo divulgou naquele mesmo dia, sem ao menos avaliar os fatos, (coisa que qualquer pessoa sensata teria feito) a carta de exoneração da diretora.
O senhor prefeito, na ocasião do ocorrido falou ainda que “escola tem que ser
exemplo para todos, POREM, ele mesmo, como representante máximo da população parnaibana não demonstrou o exemplo de caráter, eficiência e preocupação com a educação que tanto afirma defender. Pois, mesmo que a gestão estivesse errada em liberar os alunos para promover uma atividade beneficente, atividade esta, que visava ajudar um membro da comunidade escolar. O senhor prefeito deveria valer-se dos meios oficiais para avaliar os fatos e depois tomar uma decisão de forma respeitosa e ordeira como dita a lei, sem manchar o nome da instituição com gestos absurdos de desrespeito e ofensas pessoais a seus funcionários.
A indignação que demonstro não é por conta da repreensão feita por ele à a direção e aos professores por estes terem liberado os alunos antecipadamente, e sim, pela forma como esta ocorreu. A um homem do status de nosso prefeito, eu esperava no mínimo a dignidade e bom senso de avaliar os fatos e OUVIR antes de tomar decisões impulsivas como a de ofender os funcionários na frente de toda a comunidade escolar ali presente na ocasião.
Termino esta nota destacando que, o respeito que eu tinha por nosso atual prefeito foi-se por terra, pois o mesmo mostrou-se não ser digno de respeito, já que não possui a capacidade de julgar os fatos com prudência antes de manifestar-se publicamente ofendendo os cidadãos de bem de nossa cidade dentro de uma instituição que ele afirma ser a fonte de exemplos para nossa sociedade.
Fonte: Extra Parnaíba
Informações: /https://m.facebook.com/carlosaugustormelo
Edição: Mário Pires Santana