sexta-feira, 6 de outubro de 2017

Idosos e crianças trocam experiências em manhã de homenagens

O encontro ocorreu em alusão ao Dia Internacional do Idoso, celebrado em 1º de outubro.
Por Letícia Santos
Crianças da LBV visitaram os idosos abrigados na Casa Frederico Ozanam na manhã de ontem (Foto: Moura Alves/O Dia)
Um encontro de gerações entre crianças da Legião da Boa Vontade (LBV) e os idosos abrigados na Casa Frederico Ozanam aconteceu ontem (5) em Teresina. Foram abraços, sorrisos e experiências trocadas na visita à entidade de pessoas da terceira idade, localizada no bairro Primavera. O encontro ocorreu em alusão ao Dia Internacional do Idoso, celebrado em 1º de outubro. 
Na ocasião, cerca de 20 crianças, que integram o “Programa Criança: Futuro no Presente!”, homenagearam os idosos através de dança, músicas e com a entrega de flores confeccionadas pelos pequenos da LBV aos 48 idosos da Casa Frederico Ozanam. Letícia Antônia, de 11 anos, conta que as músicas “Como é grande meu amor por você” e “Carrossel” foram escolhidas para a apresentação artística feita aos idosos. Ela explica que as flores foram produzidas com palitos e retalhos de tecido, em oficinas de arte. Para ela, foi muito animado estar no local e alegrar o dia dos abrigados na entidade. “Achei muito legal fazer uma visita e alegrar mais o dia deles”, fala. 
Quem também relata que deu muitos abraços e flores para os idosos foi a pequena Maria Gabriela Sousa, de 8 anos. “Eu achei muito feliz porque nunca na minha vida eu vi tantos idosos assim, por isso estou muito feliz em dar flores para eles”, conta. 
Um dos idosos que estava na plateia aproveitando a homenagem das crianças era o senhor Luiz Gonzaga, de 66 anos. Com um sorriso no rosto, Luiz relata que o que mais gostou foi quando recebeu a flor. Para ele, essas ações são importantes para garantir um futuro íntegro para as crianças. “Elas estão num caminho bom, aprendendo a ser gente. Aprendendo coisas boas, muita educação, para depois não fazer o que não presta”, enfatiza. 
Segundo Vanessa Perdigão, educadora social da Legião da Boa Vontade, a intenção é estimular a troca de experiências e conhecimentos, das vivências de quem tem muito a contar sobre a vida - as pessoas da terceira idade, sensibilizar e conscientizar os jovens, além de despertar o respeito nas crianças para com os idosos. 
“As crianças hoje em dia têm pais que futuramente serão idosos e é preciso que elas valorizem, que elas possam ter esse respeito, esse apreço e carinho, além da reciprocidade, de retribuir o que os pais delas fizeram para ele quanto crianças”, frisa Vanessa. 
Projeto “Adote um idoso” 
A diretora da Casa Frederico Ozanam, Francisca Santos, avalia como essencial as ações realizadas com os idosos do local, uma vez que é uma oportunidade de eles conversarem com pessoas diferentes. 
Para ela, também seria significativo se parte da sociedade se sensibilizasse e fizesse ações como “Adotar um idoso”, já que a maioria dos abrigados no local não tem parentes conhecidos e o ato consiste em uma pessoa visitar semanalmente um dos idosos na Casa. Atualmente, alguns voluntários já realizam a ação.
                         (Foto: Moura Alves/O Dia)
Ela explica que o diferencial deste projeto é o idoso ter a segurança de um apoio. “Aqui temos mais morte por depressão do que por doença. Ele não tem parente, mas pelo menos teria aquela pessoa de confiança para ele desabafar, contar, passar sua alegria ou tristeza. Ele tendo uma pessoa que o adote, ele acha que é parente e acha que tem assistência”, informa Francisca Santos. 
Doações 
A diretora também fala que, atualmente, a entidade precisa de materiais descartáveis, fraldas e, principalmente, produtos de limpeza, uma vez que as faxinas são feitas quatro vezes por dia. Para doar, basta se encaminhar à entidade, localizada na Avenida Desembargador Pires de Castro, 2137, bairro Primavera. O telefone é 3213 3099.
Fonte: portalodia.com
Edição: Mário Pires Santana