domingo, 12 de novembro de 2017

Parnaíba | IFPI forma primeira turma do curso de Energias Renováveis

A turma de 32 alunos marca uma importante etapa na história do ensino piauiense.
Representando o Governo do Estado do Piauí, o gestor da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Tecnológico (Sedet), Nerinho, esteve na solenidade de Colação de grau da primeira turma do curso Técnico de Energias Renováveis do Instituto Federal do Piauí (IFPI)– campus Parnaíba, além disso é a segunda do Brasil. O evento aconteceu nessa sexta-feira (10) na própria instituição, reunido autoridades, funcionários e familiares. A turma de 32 alunos marca uma importante etapa na história do ensino piauiense.
O curso é o primeiro do Estado dedicado ao tema e surgiu a partir de acordo de cooperação técnica entre o IFPI, a Omega Energia e a Secretaria de Educação do Piauí (Seduc). Para o titular da Sedet é motivo de orgulho participar deste momento histórico para o estado. “Temos hoje 32 técnicos em Energia Renovável, portanto são profissionais do futuro que têm conhecimento para enfrentar o mercado de trabalho, especialmente, em um assunto que merece ser tratado com responsabilidade não só deles, mas por toda a sociedade”, destaca o gestor.
O curso tem o objetivo de formar mão de obra qualificada para os futuros investimentos na área de sistemas de energia renovável no país, além dos
ganhos em conhecimento científico. “Estamos muito felizes com essa conquista dos nossos alunos que batalharam e estão aptos a trilhar um caminho de sucesso, seja no Piauí ou fora, pois o mercado é amplo”, afirma o pró-reitor professor doutor Antônio de Pádua.
O Complexo Eólico Chapada do Piauí, localizado na Chapada do Araripe – entre os estados do Piauí e Pernambuco- é uma relevante fonte de pesquisa. Neste espaço, o sistema transforma a energia eólica em elétrica, além disso, já é destaque nacional por conta da sua potencialidade.
Fonte: 180graus.com
Informações: AsCom
Edição: Mário Pires Santana

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade de seus autores, e não refletem, de maneira nenhuma, a opinião do redator deste portal.