sábado, 2 de dezembro de 2017

O novo trono do Rei Pelé

Este espaço no 180graus foi criado para que eu falasse de política, sob ótica da esquerda. Hoje, venho com um texto que foge ao script. Aqueles que me conhecem pessoalmente vão entender. Àqueles que não me conhecem, eu me justifico com a grandiosidade do Pelé - ele cabe em qualquer lugar.
Por Oscar de Barros/O texto é de autoria do jornalista Juca Kfouri
             O novo trono do Rei Pelé
Quem o viu em desabaladas carreiras com a bola nos pés até o gol dos adversários;
quem o viu subir mais do que todos e cabecear de olhos bem abertos para o fundo da rede;
quem o viu matar no peito e baixar na terra;
quem o viu fazer gols de esquerda, de direita, de pênalti e de falta;
quem viu seu olhar assassino em busca da vitória;
sente um misto de tristeza e reverência ao ver que seu trono, aos 77 anos, agora é uma cadeira de rodas.
O Super-Homem está mais humano do que nunca.
E segue sendo Super.
Vida eterna ao Rei Pelé.
Fonte: 180graus.com
Edição: Mário Pires Santana

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade de seus autores, e não refletem, de maneira nenhuma, a opinião do redator deste portal.