sexta-feira, 16 de março de 2018

'Mataram minha mãe e mais 46 mil eleitores', diz filha de Marielle Franco

Luyara Santos postou uma mensagem na tarde desta quinta-feira (15), em uma rede social.Do G1
Luyara Santos postou mensagem na tarde desta quinta-feira (15). (Foto: Reprodução/Facebook)
A filha de Marielle Franco, Luyara Santos, falou sobre a morte da mãe no Facebook, na tarde desta quinta-feira (15). A estudante de 19 anos citou a luta da mãe e ainda fez uma referência aos 46 mil votos que Marielle recebeu na eleição de 2016, quando foi eleita no Rio, sendo a quinta vereadora mais votada. "Mataram a minha mãe e mais 46 mil eleitores! Nós seremos resistência porque você foi luta! Te amo", escreveu Luyara.
A vereadora Marielle Franco foi morta a tiros dentro de um carro na Rua Joaquim Palhares, no bairro do Estácio, na Região Central do Rio, por volta das 21h30 de quarta-feira (14). Além da vereadora, o motorista do veículo, Anderson Pedro Gomes, também foi baleado e morreu. O corpo de Marielle foi velado na tarde desta quinta na Câmara dos Vereadores, no Centro do Rio. O
enterro será no Cemitério do Caju.
Marielle Franco (Foto: Mário Vasconcellos/Câmara do Rio)
Trajetória de Marielle Franco
Marielle tinha 38 anos e se apresentava como "cria da Maré". Socióloga formada pela PUC-Rio e mestra em Administração Pública pela Universidade Federal Fluminense (UFF), teve dissertação de mestrado com o tema “UPP: a redução da favela a três letras”.
Trabalhou em organizações da sociedade civil como a Brasil Foundation e o Centro de Ações Solidárias da Maré (Ceasm). Coordenou a Comissão de Defesa dos Direitos Humanos e Cidadania da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), ao lado de Marcelo Freixo.
Fonte: Portal AZ
Edição: Mário Pires Santana

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade de seus autores, e não refletem, de maneira nenhuma, a opinião do redator deste portal.