domingo, 20 de maio de 2018

Curta LGBT brasileiro ganha prêmio no festival de Cannes 2018

O curta-metragem brasileiro O Órfão vence o Queer Palm Prize, prêmio que entregue ao melhor filme sobre orientação sexual e identidade do gênero.
Por Adoro Cinema
                       Foto/Reprodução/Adoro Cinema
O cinema brasileiro acaba de receber o seu terceiro prêmio no festival de Cannes 2018. Depois de Diamantino vencer a Semana da Crítica e Chuva é Cantoria na Aldeia dos Mortos levar o prêmio especial do júri na mostra Um Certo Olhar, o curta-metragem O Órfão recebeu o Queer Palm Prize.
O prêmio é entregue ao melhor filme sobre orientação sexual e identidade do gênero entre todos do evento. O drama dirigido por Carolina Markowicz é inspirado na história real de um garoto adotado, e depois devolvido por seus trejeitos efeminados. Kauan Alvarenga, Clarisse Abujamra e Georgina Castro integram o elenco.
A recompensa reforça o ótimo momento do cinema brasileiro de temática LGBT. No festival de Berlim, em fevereiro, Tinta Bruta recebeu o Teddy Award de melhor ficção, enquanto Bixa Travesty levou o troféu de melhor documentário.
A cerimônia de encerramento do festival de Cannes ocorre no dia 19 de maio, a partir de 14h15 (horário de Brasília), quando será conhecida a Palma de Ouro da 71ª edição.
Fonte: portalodia.com
Edição: Mário Pires Santana 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade de seus autores, e não refletem, de maneira nenhuma, a opinião do redator deste portal.