quinta-feira, 17 de maio de 2018

Uma manhã de plena cidadania e civismo no Plenário da Câmara Municipal de Parnaíba

Já estive em diversas sessões na Câmara de Parnaíba. Mas certamente nenhuma foi igual à de hoje.
Por Mário Pires Santana.
Um Plenário lotado como nunca, composto em sua maioria por múltiplos jovens de diversas escolas públicas e privadas, incluídas as universidades e o IFPI. 
Tudo começou nas redes sociais através da página do "Mestrado de Museologia de Parnaíba" (UFPI), numa articulação com o Instituto Histórico, Geográfico e Genealógico de Parnaíba (IHGGP). Palco de reuniões iniciais, com a presença da vereadora Fátima Carmino, que obteve o apoio dos vereadores Daniel Miranda e Ricardo Veras, que presidiu a Sessão. Cito a liderança dos professores: Danilton Nóbrega e Naudiney que articularam com os mínimos detalhes, o sucesso total
desta manhã.
O foco da reunião teve com o pano de fundo, a discussão sobre os "dez anos do Tombamento Federal de áreas específicas de Parnaíba" pelo "Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional" (IPHAN). Além dos jovens estudantes - os atores principais - diversas personalidades e instituições engrandeceram o evento.
O superintendente do IPHAN no Piauí, o presidente do IHGGP, o representante do Ministério Público Estadual, a OAB, o CREA, UESPI, UFPI, IFPI, FID, o Superintendente de Cultura de Parnaíba. 
O gestor do IPHAN enfatizou a "importância de Parnaíba" no contexto das 40 cidades com áreas tombadas Federal no Brasil. 
Edição: Mário Pires Santana           

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade de seus autores, e não refletem, de maneira nenhuma, a opinião do redator deste portal.