terça-feira, 19 de junho de 2018

Piauiense está entre os envolvidos em caso de assédio contra torcedora russa

O engenheiro piauiense Luciano Gil Mendes Coelho é um dos envolvidos em um caso de assédio na Rússia que ganhou repercussão internacional.
Ele aparece em um vídeo em que um grupo de brasileiros fazem uma russa falar em português palavras de conotação sexual. Luciano é da cidade de Jaicós, mas mora em Picos, ele já foi secretário de Educação e Saúde. Ele também trabalhou na Prefeitura de Araripina (PE) e no Crea-PI, sendo preso em 2015 em uma operação da Polícia Federal com a Controladoria Gera da União, suspeito de integrar um grupo que desviada recursos da prefeitura pernambucana.
Além de Luciano, um policial, um funcionário da Latam e um ex-secretário de Turismo estão envolvidos na polêmica causada durante a Copa, que gerou repúdio em várias partes do mundo.
Ao Uol, Luciano disse que é um pai de família, que ele e seus amigos são trabalhadores e que exageraram na bebida. Ele pediu desculpas às mulheres, mas que não agrediu mulher nenhuma e classificou a situação como uma brincadeira.
Engenheiro piauiense Luciano Gil Mendes Coelho  

Fonte: 180graus.com
             Edição: Mário Pires Santana

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade de seus autores, e não refletem, de maneira nenhuma, a opinião do redator deste portal.