segunda-feira, 10 de setembro de 2018

DATA AZ: Leve recuo de Wilson e crescimento de Ciro dão empate técnico para o Senado

Com esses números, os dois primeiros colocados estão empatados tecnicamente no limite da margem de erro da pesquisa.
Por Redação do Portal AZ
Wilson Martins, Ciro Nogueira, Marcelo Castro e Frank Aguiar (Reprodução Data AZ)
A segunda pesquisa para Senador do Instituto Data AZ não mostra alterações significativas na corrida pelas duas vagas do Piauí no Senado. Wilson Martins (PSB) segue liderando, com 21,36% seguido por Ciro Nogueira (Progressistas), que vem em segundo, com 16,96%. Com esses números, os dois primeiros colocados estão empatados tecnicamente no limite da margem de erro da pesquisa, de 2,77% para mais ou para menos.
A novidade é o terceiro lugar para Marcelo Castro (MDB), agora com 13,12% das intenções de voto em pesquisa estimulada, um pouco à frente de Frank Aguiar (PRB), agora quarto colocado com 12,72%. Robert Rios ficou em quinto, com 8,72%.
Os candidatos Ciro Nogueira e Marcelo Castro tiveram variação positiva dentro da margem de erro, enquanto Marcelo Castro, Frank Aguiar e Robert Rios recuaram também nessa mesma margem, de 2,77% para mais ou para menos.Além dos quatro primeiros colocados na pesquisa estimulada, somente dois nomes tiveram mais que um ponto percentual nas intenções de voto: Eliseu Aguiar (PSL), com 1,28%, e Jesus Rodrigues (PSOL), com 1,04%. Os indecisos (não sabe, não opina) somaram 85,92%, mais que na pesquisa anterior 81,52%, enquanto nulos e brancos caíram de 36,96% para 34,72%.
Pesquisa para Senador – Estimulada (4 primeiros colocados)
CANDIDATO 
PESQUISA 24/27-08 
PESQUISA SETEMBRO
Wilson Martins (PSB) 
25,36% 
21,36%
Ciro Nogueira (Progressistas) 
14,48% 
16,96%
Frank Aguiar (PRB) 
13,20% 
12,72%
Robert Rios (DEM) 
10,08% 
8,72%
Marcelo Castro (MDB) 
9,28% 
13,12%
Indecisos 
81,52% 
85,92%
Branco e nulos 
36,96% 
34,72%
Somam 200% porque o eleitor escolhe duas opções na eleição para Senador
Variação negativa de Wilson não significa “perda de pontos”
Na pesquisa Data AZ anterior, realizada entre os dias 24 e 27 de agosto, o candidato Wilson Martins tinha 25,36%, com a margem de erro de 2,77%. Isso significa que ele teria entre 28,13% e 22,59% das intenções de voto naquele momento, explica o estatístico responsável pela pesquisa, Laércio de Sousa Araújo.
Na pesquisa atual, em que Wilson tem 21,36%, mantida a margem de erro de 2,77%, o novo intervalo das intenções de voto para é de 24,13% a 18,59%, ou seja, ele não “perdeu pontos", considerando que o percentual de eleitores indecisos aumentou em 4,4%, diz ainda o estatístico.
Outro ponto destacado por Laércio é que o aumento do percentual de indecisos reflete diretamente sobre quem está no topo da tabela.
Por outro lado houve um crescimento no Ciro Nogueira, o que o faz empatar tecnicamente com Wilson Martins na ponta de cima da tabela, de acordo com a margem de erro de 2,77%. Isto pode ser medido na questão espontânea e na rejeição de cada candidato: Wilson não cresce e nem decresce (0%), enquanto Ciro Nogueira registra aumento de 1,68% nas intenções de voto.
Mas nem assim um toma a vaga do outro, uma vez que estão em disputa duas vagas do Senado.
PESQUISA ESPONTÂNEA
Na sondagem espontânea, o ex-governador Wilson Martins aparece também em primeiro lugar, com 8,72% das intenções de voto, estatisticamente empatado com o senador Ciro Nogueira, que aparece com 6,48%.
O terceiro colocado, Marcelo Castro, empata também com Ciro Nogueira, o segundo, porque tem 4,88%, estando a uma distância percentual menor que a margem de erro do candidato progressista.
Robert Rios aparece em quarto lugar na sondagem espontânea para o Senado (2,32%), enquanto Frank Aguiar tem 2,08%. No limite da margem de erro, ambos empatam com Marcelo Castro.
Os indecisos somam 153,68%, sendo o número superior a 100 pontos percentuais em face de o eleitor ter direito a votar duas vezes para senador.
Brancos, nulos e nenhum dos candidatos chegam a 20,16%.
FICHA TÉCNICA DA PESQUISA
Total de entrevistas: 1250
Municípios pesquisados: 65 nos 12 territórios de desenvolvimento.
Margem de erro da pesquisa: 2,77%, para mais e para menos
Data da realização: 04 a 07 de Setembro de 2018
Nível de confiança: 95% de toda a amostra
Realizador e contratante: Instituto Data AZ
Registro na Justiça Eleitoral: PI-01330/2018
Estatístico responsável: Laércio de Sousa Araújo – CONRE 9356
Veja abaixo os gráficos da pesquisa:
Pesquisa Estimulada para o Senado (reprodução Data AZ)
Pesquisa Espontânea para o Senado (reprodução: Data AZ)

Fonte: Pesquisa Estimulada para o Senado (reprodução Data AZ)
Fonte:Pesquisa Espontânea para o Senado (reprodução: Data AZ)
Edição: Mário Pires Santana

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade de seus autores, e não refletem, de maneira nenhuma, a opinião do redator deste portal.