sexta-feira, 22 de março de 2019

CONSELHO DE DIREITOS HUMANOS DA ONU RECONHECE PREJUÍZOS DE SANÇÕES CONTRA VENEZUELA

O Conselho de Direitos Humanos da Organização das Nações Unidas (ONU) aprovou por ampla maioria nesta quinta-feira (21) a resolução apresentada pelo Movimento de Países Não Alinhados sobre os efeitos negativos que as sanções aplicadas pelos Estados Unidos provocaram na Venezuela.
Por Brasil 247, com AVN

O Conselho de Direitos Humanos da Organização das Nações Unidas (ONU) aprovou por ampla maioria nesta quinta-feira (21) a resolução apresentada pelo Movimento de Países Não Alinhados sobre os efeitos negativos que as sanções aplicadas pelos Estados Unidos provocaram na Venezuela.
"Atenção! Em Genebra o Conselho de DDHH/ONU aprovou por ampla maioria resolução apresentada pela Venezuela em nome do Movimento dos Não Alinhados sobre efeitos negativos das medidas coercitivas unilaterais (sanções) nos DDHH. Outra vitória do Multilateralismo e da Diplomacia de Paz!", publicou
o chanceler venezuelano, Jorge Arreaza no Twitter.
O projeto de resolução "As repercussões negativas das medidas coercitivas unilaterais no gozo dos direitos humanos" exposto pelo Movimento Não Alinhado sobre as sanções contra a Venezuela conseguiu 27 votos a favor, 15 contra e 5 abstenções.
O texto condena categoricamente que potências específicas continuem designando e fazendo cumprir unilateralmente essas medidas como instrumento de pressão política ou econômica contra qualquer nação.
Fonte: Brasil 247
Edição: Mário Pires Santana

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade de seus autores, e não refletem, de maneira nenhuma, a opinião do redator deste portal.