segunda-feira, 27 de maio de 2019

FUNDAÇÃO DR. RAUL BACELLAR COMEMORA 25 ANOS DE EXISTÊNCIA

Criada a 26 de maio de 1994 quando o respeitável patriarca que lhe deu nome completava, na mesma data, 103 anos de idade, a FUNDAÇÃO DR. RAUL FURTADO BACELLAR vê transcorrer o seu 25º aniversário de ininterrupta existência neste 26-5-2019 
Por Renato Bacellar
Reconhecida de utilidade pública Municipal (Parnaíba), Estadual (Piauí) e Federal (União), mesmo não recebendo qualquer recurso público financeiro ao longo de toda a sua história, mercê da conjugação de esforços de seus instituidores (filhos do Dr. Raul) e de restrito número de parceiros e entidades tem realizado inúmeras ações nas áreas da educação, cultura, saúde, social, de lazer e de preservação do meio arquitetônicoambiental de Parnaíba, além de muitos outros. 
Uma das mais importantes ações é a que decorreu da Construção de uma Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), de 11 (onze) leitos, no Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (HEDA), em Parnaíba, em parceria com a Fundação Phillips quando à frente da qual, para a América Latina (2005), se encontrava o piauiense José Horácio Gayoso e Almendra. 
A entidade tem sede própria na Rua Vera Cruz, 744, bairro São José, na antiga residência do venerável vulto histórico que, conquanto maranhense da cidade de Brejo dos Anapurus fez de Parnaíba (1920) sua cidade por excelência para constituir família e ofertar o labor de sua atividade profissional como farmacêutico-químico, professor, jornalista, escritor, tendo exercido vários cargos púbicos, dentre os quais o de juiz de 
direito ad hoc e de haver contribuído para a criação de entidades a exemplo do Rotary, da Associação Parnaibana de Imprensa – API (Construtora da Casa do Jornalista, obra pioneira no Estado do Piauí) e da Academia Parnaibana de Letras – APAL. 
A entidade é mantenedora do “Clube da Melhor Idade” que reúne mais de 235 (duzentos e trinta e cinco) idosos cadastrados; “Grupo de Escoteiros – GERFUBA”, com mais de 137 (centro e trinta e sete) infanto-juvenis e adultos (chefes); “Clube Parnaibano de Xadrez”; “Escola de Alfabetização Tia Neusa da Cunha Brito”; além de ofertar cursos e oficinas de curta duração; realizar projetos em parcerias (a exemplo do “Coração Solidário” que reúne acadêmicos de medicina do IESVAP) que atendem centenas de famílias pobres de Parnaíba e de outras localidades da região litorânea do Piauí. A FUNDAÇÃO RFB mantém biblioteca aberta ao público de todas as idades sendo bastante frequentada para efeito de pesquisa econômica-sociais-históricas e das mais diferentes matizes.
 Também mantém no Espaço Cultural “Porto das Barcas”, centro, desta cidade, a “Pharmácia do Povo – Museu Vivo” que contém peças históricas da farmacologia nacional e estrangeira com mais de 150 (cento e cinquenta) anos de existência, constituindo-se, no gênero, um dos mais importantes da região nordeste, já visitado por mais de 200 (duzentas) mil pessoas de diferentes localidades do Brasil e do exterior. A diretoria da entidade é composta pelos seguintes membros: Renato Araribóia de Britto Bacellar, Benjamim de Brito Bacellar, Raul Furtado Bacellar Neto, Gislene Portela Lima Bacellar, Renata Couto Bacellar, Maria Cândida Couto Bacellar, Roberta Couto Bacellar, Ana Christina Ferreira Bacellar Luz, Larissa Ferreira Bacellar, Luiz Carlos de Freitas Veras, Maria de Fátima Pedrosa Furtado, Raimundo Nonato de Souza, Luiza Rodrigues de Abreu e Ícaro Tácito de Abreu Bacellar. Para este ano a Fundação tem em meta iniciar as obras do Centro de Convivência do Idoso em terreno próprio na Rua Joaquim Santos para nele fazer funcionar a “Delegacia do Idoso”, aulas de alfabetização e de cursos de curta e média duração; atendimento médico-odontológico; e de espaço de lazer e esporte, etc. (RB)
Fotos da Fundação/RB
Fonte; Email/Fundação/Raul Bacellar
Edição: Mário Pires Santana

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade de seus autores, e não refletem, de maneira nenhuma, a opinião do redator deste portal.