terça-feira, 30 de julho de 2019

W.Dias defende criação do programa "Mais Médicos Nordeste"

Foto: Arquivo/180graus
Em entrevista ao site HuffPost, o governador Wellington Dias (PT) defendeu a criação do programa "Mais Médicos Nordeste", para suprir a carência de profissionais na região com a saída dos cubanos do programa do governo federal.
Por Apoliana Oliveira

A proposta será debatida nesta segunda-feira (29), durante o encontro de governadores do Nordeste, que acontece na Bahia.
"Temos mais de 19 mil médicos brasileiros que fizeram medicina em algum lugar do mundo [e não no Brasil] e pela legislação ainda precisam de alguma especialização para exercer a profissão [o Revalida]. Então estamos dialogando com algumas universidades, para ver a possibilidade de se criar um programa para validar esses cursos, com o Estado bancando a bolsa, a partir do compromisso de que, após a qualificação, o profissional preste serviço onde está precisando", afirma Wellington.
Para o governador do Piauí, o programa não concorreria com as ações do governo federal.
"O Norte e o Nordeste foram os mais prejudicados [com a saída dos cubanos]. O formato adotado levou à situação em que estamos hoje. Tem coisas que os governadores podem fazer, que os estados podem fazer como federação, tem coisas que cabem ao governo federal", defende.
Confira a integra da entrevista ao site HuffPost.
Fonte: 180graus.com
Edição: Mário PiresSantana

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade de seus autores, e não refletem, de maneira nenhuma, a opinião do redator deste portal.