quarta-feira, 2 de outubro de 2019

Piauí terá que qualificar mais de 51 mil profissionais da indústria

De acordo com os dados do Mapa do Trabalho Industrial, divulgado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), a meta precisa ser atendida entre 2019 e 2023 com cursos de nível superior, técnico, qualificação e aperfeiçoamento.
Por: Sandy Swamy, do Jornal O Dia
Foto/Arquivo/O Dia
De acordo o Mapa do Trabalho Industrial, divulgado segunda-feira (30) pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), o Piauí terá que qualificar 51.863 trabalhadores que estão em ocupações industriais.
A meta deve ser atendida entre 2019 e 2023 com cursos de nível superior, técnico, qualificação e aperfeiçoamento. Na escola do Senai em Teresina, até agosto deste ano, foram atendidos 5.354 profissionais em diversas modalidades.
“Nós temos um plano de ação que é elaborado todo ano, levamos em consideração o planejamento estratégico do departamento nacional com o recorte do estado do Piauí, assim como o Mapa do Trabalho, que faz o levantamento e mostra quais são as profissões que demandam mais aprimoramento profissional”, conta Sandra de Ataíde, diretora de Educação Profissional e Tecnológica do Senai.
Assim, a partir dos levantamentos, o Serviço planeja atividade voltadas para profissões das áreas de logística, transporte, alimentos, profissões transversais, metalmecânica, construção, informática energia e telecomunicações.
“É recomendado que a reciclagem dos profissionais tenha carga horária acima
de 200 horas, voltada para pessoas que já trabalham ou que têm uma formação profissional e precisa de qualificação. Alguns cursos são gratuitos, com foco nas pessoas de baixa renda e temos os que não são gratuitos”, explica Sandra de Ataíde.
O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) é referência em Educação Profissional e Tecnologia Industrial do Brasil. No Piauí, o Senai é integrante da Fiepi (Federação das Indústrias do Estado do Piauí) e contribui para elevar a competitividade da indústria brasileira promovendo a educação profissional e tecnológica, a inovação e a transferência de tecnologias industriais. Para mais informações, os interessados podem entrar em contato com o Serviço através dos telefones (86) 3214-3979 ou (86) 3225-1504 ou pelas redes sociais @senaipiaui.
Fonte: portalodia.com
Edição: Mário Pires Santana

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade de seus autores, e não refletem, de maneira nenhuma, a opinião do redator deste portal.