sábado, 22 de fevereiro de 2020

Concurso IBGE abre mais de 200 mil vagas

Vagas são para níveis médio e fundamental.
Por Redação 
IBGE/Foto/Intersindical
Com o desemprego em alta, uma boa alternativa é fazer um concurso público. E, dessa vez, a chance é muito grande, porque o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) irá contratar 234.416 pessoas para o Censo Demográfico, que é realizado a cada década.
De acordo com Luiz Eduardo Azevedo, coordenador operacional, em entrevista ao jornal Correio do Povo, o edital referente ao certame será divulgado no início de março. As inscrições ocorrem de 2 a 7 de março, somente pela internet, e a seleção contará com oportunidades para os níveis médio e fundamental. Veja:
Agente Censitário Municipal (ACM) - 6.100 vagas - Nível Médio - salário de R$ 2.400,00 (aproximado).
Agente Censitário Supervisor (ACS) - 23.578 vagas - Nível Médio - R$ 2.000,00 (aproximado).
Recenseador - 196.000 vagas - Nível Fundamental - R$ 1.100,00 (a remuneração se dará por produção; este valor é apenas uma estimativa).
Prova
Agentes – 60 questões
Língua Portuguesa (dez).
Raciocínio Lógico Quantitativo (dez).
Ética no Serviço Público (cinco).
Noções de Administração/Situações Gerenciais (15).
Conhecimentos técnicos (20).
Recenseador – 50 questões
Língua Portuguesa (dez).
Ética no Serviço Público (cinco).
Matemática (dez).
Conhecimentos técnicos (25).
Censo 2020
O IBGE informou que o questionário será feito em 71 milhões de domicílios no Brasil. Ao todo, serão 26 questões, e a fase de coleta e aplicação dos questionários será feita entre os meses de agosto e outubro de 2020.
Último concurso
O último concurso foi no ano de 2015. Na época, foram 600 vagas, sendo 460 de técnicos para nível médio, além de 90 de analistas e 50 de tecnologistas para nível superior. Os salários eram superiores: estavam entre R$ 3.098,85 e R$ 7.000,49.
Fonte: IBGE
Edição: Mário Pires Santana

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade de seus autores, e não refletem, de maneira nenhuma, a opinião do redator deste portal.