sexta-feira, 10 de abril de 2020

Doria ameaça prender quem furar isolamento em São Paulo, bolsonaristas se revoltam

O governador de São Paulo, João Doria Jr. (PSDB), fez apelos a população para que todos fiquem em casa nesse feriado de Páscoa.
Ele chegou a falar em prisão para quem furar o isolamento social.
Os bolsonaristas se revoltaram com a ameaça do governador. O deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) compartilhou um vídeo com falas de Dória. “REVOLTANTE! Dória diz que se confinamento em SP não for de 60%, prenderá pessoas nas ruas usando a PM. Para isso usará dados celulares do povo sem autorização. Por que nenhum repórter pergunta sobre Constituição, garantias individuais e como ele poderia prender inocentes? #DitaDoria”  Escreveu o filho do presidente:

REVOLTANTE! Dória diz que se confinamento em SP não for de 60%, prenderá pessoas nas ruas usando a PM. Para isso usará dados celulares do povo sem autorização

Pq nenhum repórter pergunta sobre Constituição, garantias individuais e como ele poderia prender inocentes?

2.255 pessoas estão falando sobre isso

Dória falou que na próxima semana, não só o governo de São Paulo, como a prefeitura da capital, irão tomar medidas mais rígidas. “Eu queria evitar isso. Porque medidas mais rígidas significam que as pessoas poderão receber advertência, multa, mas também voz de prisão”.
“Eu gostaria de evitar isso, as pessoas precisam ter consciência da situação. Nós não estamos aqui fazendo um programa de férias.” “Repito: Se não houver nesse final de semana consciência das pessoas, nós estamos monitorando isso inclusive pelos celulares. A partir de segunda-feira o governo do Estado de São Paulo tomará medidas mais rigorosas e mais duras inclusive com a penalização de prisão das pessoas que desobedecerem essa orientação.”
Esse posicionamento que é parecido com a da maioria dos governadores, se opõe ao do presidente, para quem o isolamento social não é necessário. Bolsonaro defende a retomada da economia, com a abertura do comércio. Isolamento só nos grupos de risco, como os idosos.
Podem esperar que a hashtag #DitaDoria deve subir durante o feriado, sempre com o auxílio prestativo do exército de robôs do “Gabinete do Ódio” bolsonarista.
Fonte: Blog do Esmael
Edição: Mário Pires Santana

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade de seus autores, e não refletem, de maneira nenhuma, a opinião do redator deste portal.