segunda-feira, 27 de abril de 2020

OAB Piauí: 88 anos pela Advocacia e por mais cidadania

Com 14.982 advogadas e advogados inscritos em seus quadros, a OAB Piauí é uma das Seccionais mais antigas do País.
Presidente da Seccional, Celso Barros Coelho Neto
Neste sábado (25), a Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Piauí, completa 88 anos. Com 14.982 advogadas e advogados inscritos em seus quadros, a OAB Piauí é uma das Seccionais mais antigas do País e segue como uma das mais atuantes instituições da sociedade civil.
Em quase nove décadas, já foram presidentes da instituição João Osório Porfírio da Mota (1932 -1933 / 1935 -1936); Joaquim Vaz da Costa (1933 a 1935); Júlio Lustosa Nogueira (1936 a 1937); Giovani Piauiense da Costa (1937 a 1938); Demerval Lobão Veras (1940 a 1950); Valter Alencar (1941 a 1942); João Martins de Morais (1950 a 1958); Hélio Martins Correia Lima (1959 a 1962); Celso Barros Coelho (1963 a 1974); Omar Santos Rocha (1969 a 1970); Darcy Fontenelle de Araújo (1970 a 1971); Valdemar Ramos Leal (1974 a 1975); Luiz Gonzaga Soares Viana (1975 a 1977); João Pedro Ayrimoraes Soares (1977 a 1979); José Eduardo Pereira (1979 a 1979); Reginaldo Santos Furtado (1979 a 1985); Deusdedit Sousa (1985 a 1987); Nildomar da Silveira Soares (1989 a 1991); José Sebastião Ramalho Santos (1991 a 1992); Fides Angélica Ommati
(1987 a 1989 / 1991 a 1994); Nelson Nery Costa (1995 a 2002); Álvaro Fernando da Rocha Mota (2002 a 2006);José Norberto Lopes Campelo (2007 a 2009); Sigifroi Moreno Filho (2010 a 2012); Willian Guimarães Santos de Carvalho (2013 a 2015); e Francisco Lucas Costa Veloso (2016 a 2018).
Atualmente, o Presidente da Seccional é o advogado Celso Barros Coelho Neto que assumiu o mandato em 2019. No seu segundo ano de atuação, o Presidente destaca a importância do compromisso que assumiu com toda a sociedade piauiense e, especialmente, com toda a Advocacia.
“A valorização da Advocacia é indispensável para o fortalecimento da defesa dos direitos dos cidadãos. Como gestor e estando à frente da OAB Piauí, ao lado de toda diretoria, nesta comemoração dos seus 88 anos, sei da importância de firmar passos ideais na construção de uma Advocacia aguerrida e de uma sociedade mais justa e igualitária. Agigantar a nossa instituição e fazê-la trilhar caminhos de referência tem sido um das nossas verdadeiras missões”, ressalta o Presidente da OAB Piauí, Celso Barros Coelho Neto.
Ao longo desses 88 anos, a OAB Piauí sempre esteve presente na história do País e do Estado, enfrentando períodos difíceis, como, atualmente, a crise mundial causada pela pandemia do novo coronavírus.
“Mesmo em meio a essa crise atual, permanecemos exercendo o nosso papel de zelar pelo bem-estar social, atuando de forma incisiva para garantir os direitos dos cidadãos. Queremos lutar para escrever uma história de orgulho e responsabilidade e, esse momento de crise, também faz parte disso. Hoje, não podemos comemorar como queríamos, mas podemos fazer o nosso melhor, como temos feito, por meio de tantos projetos e ações que perpassam os muros da advocacia, pois nossa responsabilidade também é humana. Estamos firmes e continuaremos assim pelos próximos anos”, garante o Presidente. 
Por meio das 13 Subseções localizadas nas cidades de Água Branca, Barras, Bom Jesus, Campo Maior, Corrente, Floriano, Parnaíba, Picos, Piripiri, São Raimundo Nonato, Oeiras, Uruçuí e Valença, a OAB Piauí tem atuando fortemente em todo o Estado, disseminando as ações e a força da entidade. Além disso, a OAB Piauí conta ainda com 68 Comissões Temáticas, com a Escola Superior da Advocacia, que oferece toda uma estrutura de ensino e qualificação, e com a Caixa de Assistência dos Advogados Piauienses (CAAPI).
“Ser atento e vigilante diante das relevantes pautas e problemas que nos afligem são exemplos de tantas e valorosas missões que temos. Como parte integrante desta entidade, tenho a plena convicção dos seus ideais para almejar o progresso da Advocacia e da cidadania. Aqui, expresso os meus parabéns à OAB Piauí e à Advocacia Piauiense”, homenageia Celso Barros Coelho Neto.
Fonte: portalodia.com
Informações da Ascom
Edição: Mário Pires Santana

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade de seus autores, e não refletem, de maneira nenhuma, a opinião do redator deste portal.