terça-feira, 28 de abril de 2020

"Temos que alcançar, até dia 15 de maio, entre 500 a 600 respiradores instalados", diz W. Dias

Do *Blog Coronavírus
O governador Wellington Dias fez um novo apelo à população piauiense, na tarde desta terça-feira (28), para que permaneça em casa a fim de evitar a contaminação e transmissão em massa do novo coronavírus. Em sua manifestação, o chefe do executivo estadual esclareceu que o estado está enfrentando problemas para receber respiradores de três contratos já firmados.
“Faço um alerta para o respeito às regras do isolamento social. Temos três contratos para a entrega de respiradores que estão dando problema e isso é algo que estamos buscando uma solução. Estamos na dependência da China, de São Paulo e encontrando dificuldades na entrega”, esclareceu Wellington Dias.
O chefe do executivo estadual manifestou otimismo em iniciativas locais como o protótipo de um ventilador mecânico pulmonar, de baixo custo, desenvolvido pela empresa piauiense Tron, em parceria com a Universidade Federal do Delta do Parnaíba (UFDPar). 
A máquina está sendo avaliada por profissionais piauienses, mas ainda precisa ser aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), antes de ser comercializada.
Enquanto o respirador piauiense não está disponível, o governo
estadual mantém seu empenho em obter os aparelhos necessários para ter uma margem segura para a população. 
“Temos que alcançar, até o dia 10, 15 de maio, entre 500 a 600 respiradores instalados em leitos de UTI ou sala de estabilização para que não tenhamos o colapso que está acontecendo em outros lugares. Não é um desafio pequeno. Estamos falando de 350 leitos novos e precisamos contar com todos para evitar a transmissão em massa do coronavírus porque isso nos traria o pior dos mundos. Para a sua proteção, fique em casa”, esclareceu Wellington Dias.
Fonte: *180grau.com
Com informações da CCom
Grifos do Editor
Edição: Mário Pires Santana

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade de seus autores, e não refletem, de maneira nenhuma, a opinião do redator deste portal.