sábado, 16 de maio de 2020

Após visitar hospital, Bispo de Parnaíba contrai Covid-19 e diz que vírus é "traiçoeiro"

O bispo da Diocese de Parnaíba, Dom Juarez Sousa da Silva,59 anos, contraiu o novo coronavírus.
Por Izabella Pimentel
Foto: Reprodução/Facebook 
O religioso diz que recebeu o resultado positivo na última terça-feira (12) e desde então está em isolamento domiciliar.
Dom Juarez contou ao Cidadeverde.com que apresentou sintomas "leves" da doença. "Tive sensação de febre, mal estar, pressão alterada, zumbido no ouvido, mas estou melhorando. Quando soube do diagnóstico, fiquei apreensivo devido morar com minha mãe. Também estou sofrendo com solidão do confinamento", disse.
O bispo faz alerta para que a população obedeça as recomendações das autoridades públicas e sanitárias para evitar a disseminação do novo coronavírus. O bispo afirma que não sabe como contraiu o vírus, mas há possibilidade da contaminação ter acontecido durante uma visita que fez no último dia 4 de maio ao Hospital Estadual Dirceu Arcoverde, em Parnaíba. 
No dia da visita ao hospital, de máscara, o bispo percorreu toda unidade de saúde, exceto o setor onde pacientes com Covid-19 estão internados. Dom Juarez levou o Santíssimo Sacramento para abençoar os profissionais de saúde.
"Não sei dizer onde foi porque esse vírus é um inimigo invisível e traiçoeiro. Peço que intensifiquem suas orações por mim e por todas as pessoas e famílias,
notadamente pelos enfermos, profissionais da saúde e cientistas, rogando a
Deus misericordioso, a cura e a saúde", disse Dom Juarez.
Ainda no início da pandemia de Covid-19, o bispo de Parnaíba resolveu colar fotos dos paroquianos nos bancos da Catedral Mãe da Divina Graça. Na Semana Santa Dom Juarez fez, de forma simbólica, o tradicional rito do lava- pés e homenageou 12 categorias de trabalhadores considerados essenciais. 
Fotos: Diocese de Parnaíba
Entre as categorias homenageadas com o rito, estão médicos, enfermeiros, entregadores, carteiros,urbanitários, garis, motoristas, policiais, enfermeiros, farmacêuticos e frentistas.
Fonte: cidadeverde.com
Edição: Mário Pires Santana

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade de seus autores, e não refletem, de maneira nenhuma, a opinião do redator deste portal.