quarta-feira, 6 de maio de 2020

Firmino Filho não descarta 'lockdown' em Teresina

O prefeito ressalta, no entanto, que essa é uma prerrogativa do Governo do Estado ou a Justiça
Por Breno Cavalcante, do Jornal O Dia
Diante da queda na taxa de isolamento social em Teresina, o prefeito Firmino Filho (PSDB) admite a possibilidade de adotar medidas mais severas para conter o avanço do novo coronavírus (Covid-19) na capital. Nesta quarta-feira (6), durante uma live nas redes sociais, citou a possibilidade de ‘lockdown’ na cidade.
“As pesquisas desta semana nos darão mais dados para que a gente possa tomar medidas que sejam mais radicais (...) Acho que nesse momento, dado essa queda na questão do isolamento social, não podemos descartar o lockdown, especialmente diante das informações que temos tidos nessas últimas semanas”, disse o prefeito.
Apesar do alerta, motivado após isolamento social entre os teresinenses atingir na terça-feira (5) o seu pior índice desde o início da quarentena na, de apenas 38,9%, Firmino ressaltou que o poder público municipal não tem autoridade para decidir sobre o endurecimento das ações preventivas à pandemia.
“O lockdown não depende da prefeitura, mas de um entendimento e uma decisão do Governo do Estado, ou eventualmente de uma decisão da Justiça”, explicou o gestor, que se reúne com o governador Wellington Dias (PT) nesta tarde para discutir este e outros assuntos relacionados a pandemia. 
Com um possível lockdown, mesmos os serviços considerados essenciais do comércio não afetados pelos decretos de restrição teriam suas atividades interrompidas, como já ocorre na capital do Maranhão, São Luís, e em dez municípios do estado do Pará.
Deixe seu comentário
Fonte: portalodia.com
Grifos do Editor
Edição: Mário Pires Santana

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade de seus autores, e não refletem, de maneira nenhuma, a opinião do redator deste portal.