segunda-feira, 1 de junho de 2020

EUA e Brasil são únicos com confrontos nas ruas nas Américas

Do *Blog da Cidadania
Enquanto nos EUA população se confronta nas ruas por conta do assassinato de um negro pela polícia, com instigação política contra a população negra por parte do presidente do país, no Brasil torcidas organizadas do Corinthians e do Palmeiras enfrentam um grupo fascista composto por neonazistas e bolsonaristas.
São os dois únicos países das Américas que, em lugar de combaterem a pandemia que está matando dezenas de milhares e falindo a economia, entregam-se a uma verdadeira guerra político-ideológica conduzida, aqui, por Jair Bolsonaro e, lá, por Donald Trump. Ambos unidos em um projeto autoritário conjunto.
Coincidentemente (SQN), os dois países são os epicentros da pandemia do coronavírus no mundo. Enquanto seus líderes instigam ódio e violência, os hospitais e os cemitérios não têm mais onde colocar as vítimas da irresponsabilidade dos governos nacionais.
Se as instituições não reagirem rapidamente, o caos que será instalado é
imprevisível. O Brasil não pode ter alguém como Bolsonaro no poder, da mesma forma que os EUA não podem continuar com um governo truculento e irresponsável, gerido por uma figura tão bizarra quanto a que “governa” o Brasil
Fonte: *Da Redação
Edição: Mário Pires Santana

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade de seus autores, e não refletem, de maneira nenhuma, a opinião do redator deste portal.